Home > Revista Gerência de Riscos e Seguros > Entrevistas > “A proximidade com os brokers permite conhecer as sensibilidades e visões nestes tempos de incerteza”
entrevista-dgt-mapfre-norte-javier-olias-brokers-incertidumbre

“A proximidade com os brokers permite conhecer as sensibilidades e visões nestes tempos de incerteza”

Durante a Jornada Global Risks, Perspectivas do Mercado Global, realizada no Itsasmuseum de Bilbau, Javier Olías, Diretor Geral Territorial Norte da MAPFRE (País Basco, La Rioja, Navarra e Aragão) nos concedeu esta entrevista.

 

 

Como você vê o mercado hoje?

Hoje em dia, vivemos na incerteza as usual, diz entre risadas. A incerteza tornou-se uma variável cotidiana e, no contexto atual, devemos estar atentos para estar próximos dos clientes e para que a MAPFRE desempenhe o papel que lhe cabe de liderança.

 

 

Qual papel o negócio de Grandes Riscos tem em um território com uma forte tradição industrial como é a DGT Norte?

É um papel relevante porque o tecido industrial aqui é muito poderoso, e uma das principais preocupações é a asseguração por meio de programas de seguros complexos. O posicionamento e a visão da MAPFRE neste negócio é exatamente o que nos permite atender não só às necessidades “clássicas” (Danos, Responsabilidade Civil, Transportes…), como também outras menos tradicionais, mas igualmente úteis no gerenciamento de riscos das empresas globais.

 

 

Além disso, a MAPFRE assumiu um forte compromisso com a sustentabilidade.

Na verdade, a MAPFRE traçou um caminho muito claro rumo à sustentabilidade do planeta, e temos que segui-lo porque é o futuro que está em jogo. Tanto como Gestora de Fundos quanto como Subscritora de Riscos, a MAPFRE requer um plano de transição energética para manter o aquecimento global em torno de 1,5 °C.

 

 

Vimos como a inflação afeta todos os níveis da sociedade, mas especificamente no setor da proteção dos Grandes Riscos, como as seguradoras lidam com esta situação?

As seguradoras devem seguir os princípios básicos do seguro. Os contratos têm que ser bem feitos para que as seguradoras cumpram o que o cliente espera em caso de contingência. Portanto, a regularização das apólices tem uma grande relevância neste momento, porque, se não forem atualizadas, os clientes deixam de estar bem segurados.

 

 

Com relação ao encontro realizado recentemente no Itsasmuseum de Bilbau, o que significa poder reunir em um mesmo espaço os principais Brokers Globais, e o que se espera conseguir com este evento?

Significa reforçar a liderança da MAPFRE neste tipo de riscos e nossa vocação irrenunciável de acompanhar as empresas de nosso âmbito segurador em suas necessidades. Aqui, no Norte, temos vários centros de colocação de brokers nacionais e internacionais e, para a MAPFRE, ter esta proximidade, gerar sinergias e ver pontos coincidentes e discrepâncias leais é muito interessante, pois nos permite conhecer as diferentes sensibilidades e visões nestes tempos de incerteza.

 

 

Qual é o principal valor diferencial que a MAPFRE oferece a seus clientes?

A MAPFRE oferece uma solução integral a seus clientes: Vida, Saúde/Expatriados, Responsabilidade Civil, Frotas, Transportes… além de nossa especialização na área de engenharia. Também consideramos importante a proximidade com os centros de tomada de decisão, porque para uma primeira subscrição ajuda muito no entendimento das informações e na melhoria da proteção. Com esta proximidade, obtém-se mais sensibilidade.

Devemos combinar a sensibilidade perante a situação atual com o melhor assessoramento e a maior responsabilidade para com o cliente, porque é o que se espera de nós como seguradora líder na Espanha. Na MAPFRE, sabemos o que significa acompanhar o cliente e fazê-lo de maneira sustentável. Prova disso são as Jornadas bienais da MAPFRE Global Risks que são uma autêntica referência para todos os agentes que compõem a gerência de riscos e seguros e companhias espanholas, e a presença e colaboração direta com associações como AGERS e IGREA.

donwload pdf
Resumo de quinta-feira – Jornadas Internacionais XXIX

Resumo de quinta-feira – Jornadas Internacionais XXIX

Quinta-feira, 6 de junho Eduardo Pérez de Lema, presidente da MAPFRE Global Risks, recebeu centenas de participantes que lotaram o grande auditório FYCMA em Málaga, cidade anfitriã das Jornadas Internacionais da empresa em seu décimo quinto aniversário. Após traçar um...

ler mais